Dinâmica - Última ceia

Objetivo: Compreender os significados das palavras "pão" (corpo) e "vinho" (sangue), que foram ditas simbolicamente por Jesus na última ceia.
Participantes: Indefinido.
Tempo Estimado: 15 min.
Material: 4 frases (imprimir em papel canson A4), cola bastão,tesoura, 4 sacos plásticos transparentes, cartolina, fita crepe.
Descrição: O Evangelizador deverá, antecipadamente, recortar as palavras que formam as frases e colocá-las em quatro sacos plásticos transparentes. Depois deverá ler o trecho de Lucas 22:14-20 e dividir a classe em quatro grupos.  Logo em seguida, deverá distribuir o conjunto de palavras embaralhadas para cada grupo, para que eles possam formar quatro frases diferentes, que explicará este trecho do Evangelho de maneira simples. Após feito isto, o Evangelizador deverá fazer a seguinte pergunta, que deverá estar escrita na parte superior da cartolina: Qual é o significado do corpo e sangue distribuídos por Jesus na última ceia? Aguarde as respostas e escreva na cartolina: R. Sua Doutrina. Depois  os grupos deverão colar na cartolina as frases que receberam na sequência correta.
Trecho de Lucas 22:14-20:
22.14   Chegada a hora, pôs-se Jesus à mesa, e com ele os apóstolos.
22.15   E disse-lhes: Tenho desejado ansiosamente comer convosco esta Páscoa, antes do meu sofrimento.
22.16   Pois vos digo que nunca mais a comerei, até que ela se cumpra no reino de Deus.
22.17   E, tomando um cálice, havendo dado graças, disse: Recebei e reparti entre vós;
22.18   pois vos digo que, de agora em diante, não mais beberei do fruto da videira, até que venha o reino de Deus.
22.19   E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim.
22.20   Semelhantemente, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este é o cálice da nova aliança no meu sangue derramado em favor de vós.

Grupo 1 - Frase:
AS - PALAVRAS -  DE  - JESUS - FORTALECEM  -  O -  ESPÍRITO. (7 palavras)
Grupo 2 - Frase:
O  -  EVANGELHO  -  É  -   O  -  ALIMENTO  -  DO  -  ESPÍRITO. (7 palavras )
Grupo  3 - Frase:
É  -  NECESSÁRIO  -  EXTRAIR  -  O  -  ESPÍRITO  -  DA  -  LETRA. (7 palavras)
Grupo 4 - Frase:
A - DOUTRINA - PRECISA - SER - COMPREENDIDA -  PELO - ESPÍRITO. (7 palavras)

Obs.: As palavras em destaque devem estar escritas numa cor diferente do restante.

Comentário: As  palavras "Jesus", "Evangelho", "Letra" e "Doutrina" que estão em destaque nas frases que vocês receberam são sinônimos das palavras "pão" e "corpo", usadas simbolicamente pelo Divino Mestre. E a palavra "Espírito" é sinônimo de "vinho" e "sangue". Portanto, "as duas espécies: pão e vinho, não são mais que alegorias, que dão idéia da letra e do espírito; assim como a carne e o sangue especificam a mesma idéia: letra e espírito. Queria Jesus mais uma vez lembrar a seus discípulos que o seu corpo — que é a sua Doutrina — não pode ser assimilada unicamente à letra, mas precisa ser estudada e compreendida em espírito e verdade; por isso o Mestre acrescentou, quando os judeus se escandalizaram por haver ele dito que seus discípulos necessitavam comer a sua carne e beber o seu sangue: “A carne para nada presta, o espírito é que vivifica; as palavras que eu vos digo são espírito e vida.” Não é, pois, com o pão, nem com a hóstia, que devemos comungar, mas, sim, com a Palavra do Cristo, com a sua Doutrina" (1) . Jesus disse: "Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu der é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo". (João 6:51)Jesus (...) trouxe o pão espiritual, do qual quem comer terá a vida eterna, isto é, passará a assimilar as coisas que dizem respeito ao Espírito. (...) A sua doutrina é um corpo ativo, atuante, que não pode ser compreendida nos moldes como o era até há pouco tempo... (2) (...)em todas as traduções dos ensinamentos do Mestre Divino, se torna imprescindível separar da letra o espírito (3). Por que, segundo o apóstolo Paulo de Tarso, " a letra mata e o espírito vivifica."(2 Coríntios 3:6)

OBS.: PORQUE  OS ESPÍRITOS SUPERIORES  ESCOLHERAM A VIDEIRA COMO SÍMBOLO DO LIVRO DOS ESPÍRITOS? Jesus disse: "Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador" ( João 15:1). Segundo os Espíritos Superiores, " a cepa (videira) (...)  é o emblema do trabalho do Criador. Aí se acham reunidos todos os princípios materiais que melhor podem representar o corpo e o espírito. O corpo é a cepa (videira); o espírito é o licor; a alma ou espírito ligado à matéria é o bago. O homem quintessencia o espírito pelo trabalho e tu sabes que só mediante o trabalho do corpo o Espírito adquire conhecimentos. (O Livro dos Espíritos. Prolegômenos. Allan Kardec).
(Baseada nos livros: 1- Parábolas e ensinos de Jesus. A ceia Pascoal . Cairbar Schutel; 2 - Os padrões evangélicos. Comer pão, beber vinho... Paulo Alves Godoy ; 3 - O Consolador. Questão 321. Espírito Emmanuel.  Psicografado por Chico Xavier)

Passatempo Espírita © 2013 - 2022. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode