Dinâmica - Concretizar o sonho

Objetivo: Perceber que todos possuem habilidades e que o nosso sonho poderá ser concretizado, se desenvolver os talentos que já possui e vencer as dificuldades, através de estratégias para alcançar o objetivo.
Participantes: Indefinido.
Tempo Estimado:  25 min.
Material: lápis de escrever, formulário para preencher,  livro: Guia do Estudante Profissões 2019. Editora abril.
Descrição: O Evangelizador deverá iniciar a dinâmica, fazendo o seguinte comentário: "Geralmente os garotos sonham em ser jogadores de futebol e as meninas sonham em ser modelos famosas...  Influenciados pela mídia, querem ganhar muito dinheiro, sem ter a necessidade de estudar...Mas será que é esta vida que Deus determinou para estes jovens? Será que todos estes que buscam uma vida fácil estão cumprindo a vontade de Deus? Vemos muitos famosos que usam drogas e cometem suicídio,  será que foram felizes nas suas escolhas? Deus nos concedeu certos talentos para serem usados, portanto, os nossos sonhos deveriam estar fundamentados nessas habilidades naturais que possuímos. " Segundo Allan Kardec, "Quase sempre obteria o homem bom êxito, se só tentasse o que estivesse em relação com as suas faculdades. O que o perde são o seu amor-próprio e a sua ambição, que o desviam da senda que lhe é própria e o fazem considerar vocação o que não passa de desejo de satisfazer a certas paixões. Fracassa por sua culpa. Mas, em vez de culpar-se a si mesmo, prefere queixar-se da sua estrela. Um, por exemplo, que seria bom operário e ganharia honestamente a vida, mete-se a ser mau poeta e morre de fome. " (O Livro dos Espíritos. Questão 862. Allan Kardec)
"Diante disso, gostaria que vocês pensassem em suas habilidades (talentos) e refletissem quais profissões poderiam exercer no futuro."
Obs.: Caso  o aluno tenha dificuldades para enxergar as suas habilidades e vocação natural,  entregue o livro guia de estudantes da editora abril ou peça para entrar no link: https://guiadoestudante.abril.com.br/profissoes/
Depois entregue o formulário abaixo e peça para preenchê-lo,  dando um exemplo. Após todos terem escrito, peça para ler o que escreveram diante da turma.


Formulário:
Eu tenho o sonho de...
Uma habilidade (ou talento) que ajuda a concretizar o sonho é...
Uma dificuldade que pode dificultar a realização do sonho é...
A estratégia para atingir os meus objetivos será...


Exemplo:
Eu tenho o sonho de... dar aula artísticas para as crianças.
Uma habilidade (ou talento) que ajuda a concretizar o sonho é...que sou muito criativa e tenho habilidade para pintar e desenhar.
Uma dificuldade que pode dificultar a realização do sonho é...que sou pobre e estudo em escola pública e tenho dificuldade de aprender algumas matérias.
A estratégia para atingir os meus objetivos será... durante o ensino médio, estudar no mínimo durante 4 horas sozinho em casa, utilizando vídeoaulas na internet ou ler livros na biblioteca para conseguir passar no vestibular e entrar na faculdade pública. Caso eu não consiga entrar numa faculdade pública, devo procurar um emprego para custear meus estudos.

Obs.1: Quando estiver próximo do período em que precisará usar a estratégia, será necessário planejar  detalhadamente  os seus objetivos e ser disciplinado para cumprir as metas. Por exemplo: “estudar mais” não é um bom objetivo. Substitua-o por: “estudar durante 4horas, todos os dias da semana (em casa ou na escola), exceto domingo, das 14h às 18h pelos próximos 36 meses para passar no vestibular e entrar  na faculdade .
Obs.2: Às vezes, teremos que trabalhar em algo que não gostamos muito para que no futuro possamos concretizar nosso sonho.

Comentário: Com relação a este assunto, Allan Kardec fez uma pergunta aos Espíritos Superiores e obteve a seguinte resposta:
Evidentemente, por meio da especialidade das aptidões naturais, Deus indica a nossa vocação neste mundo. Muitos dos nossos males não advirão de não seguirmos essa vocação?
“Assim é, de fato, e muitas vezes são os pais que, por orgulho ou avareza, desviam seus filhos da senda que a Natureza lhes traçou, comprometendo-lhes a felicidade, por efeito desse desvio. Responderão por ele.” (O Livro dos Espíritos. Questão 928. Allan Kardec)
No afastarem-se os homens da sua esfera intelectual reside indubitavelmente uma das mais freqüentes causas de decepção. A inaptidão para a carreira abraçada constitui fonte inesgotável de reveses. Depois, o amor-próprio, sobrevindo a tudo isso, impede que o que fracassou recorra a uma profissão mais humilde e lhe mostra o suicídio como remédio para escapar ao que se lhe afigura humilhação. Se uma educação moral o houvesse colocado acima dos tolos preconceitos do orgulho, jamais se teria deixado apanhar desprevenido. (O Livro dos Espíritos. Questão 928-a. Allan Kardec)
"(...)o verdadeiro bem-estar consiste em cada um empregar o seu tempo como lhe apraza e não na execução de trabalhos pelos quais nenhum gosto sente. Como cada um tem aptidões diferentes, nenhum trabalho útil ficaria por fazer. Em tudo existe o equilíbrio; o homem é quem o perturba.” (O Livro dos Espíritos. Questão 812. Allan Kardec)

Passatempo Espírita © 2013 - 2022. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode