Dinâmica - Algo sobre mim

Objetivo: Aumentar a autoestima através de frases incompletas que  ajudam a refletir e identificar as suas qualidades e seus talentos.
Participantes: Indefinido.
Tempo Estimado: Indeterminado.
Material: Dado com as frases incompletas (imprimir em papel canson A4) , tesoura, cola bastão.
Descrição:  O Evangelizador deverá, previamente, confeccionar o dado: Recorte-o e depois cole as abas, mas antes de colar as últimas preencha-o com pedaços de papel amassado, para que fique um pouco mais pesado. Na sala de aula, os alunos deverão sentar-se em círculo e o Evangelizador deverá escolher um aluno para iniciar a brincadeira e jogar o dado. Então, o aluno deverá completar a frase que caiu. No entanto,  se ele não souber ou não quiser completá-la, os colegas ou o próprio Evangelizador poderão ajudá-lo, sugerindo uma qualidade ou um talento que percebeu que possui.
Obs.1: Se o aluno disser que não possui amigos, o Evangelizador deverá dizer o seguinte: "todo aquele que se importa contigo é seu amigo, pense em pessoas que vivem próximas de ti (mãe, primo, tio, avó, etc...), ou no seu anjo da guarda e bons Espíritos que querem o seu bem. Ninguém está sozinho neste mundo. Todos possuem amigos..."
Obs.2: Essa atividade deve ser realizada com calma, dando tempo à criança para saber o que a torna especial.
Frases:
- Acho que meus amigos gostam de mim porque...
– Na escola, o professor diz que eu sou bom em ...
– Sinto-me muito feliz quando....
– Algo de que tenho muito orgulho é...
– Talvez a minha maior virtude  seja...
- Sinto-me útil quando...


Comentário:
Ninguém é inútil.  Cada criatura recebeu determinado talento da Providência Divina para servir no mundo e para receber do mundo o salário da elevação.  Velho ou moço, com saúde do corpo ou sem ela, recorda que é necessário movimentar o dom que recebeste do Senhor, para avançares na direção da Grande Luz.  Ninguém é tão pobre que nada possa dar de si mesmo. O próprio paralítico, atado ao catre da enfermidade, pode fornecer aos outros a paciência e a calma, em forma de paz e resignação. (Fonte Viva. Na esfera íntima. Espírito Emmanuel.  Psicografado por Chico Xavier)
Observação: Não devemos nos vangloriar das nossas qualidades, habilidades ou posição social, pois isto seria orgulho. A intenção da brincadeira é ajudar a identificar as qualidades e talentos de cada um para aumentar a autoestima daqueles que possuem uma opinião negativa sobre si mesmos. Segundo Allan Kardec," a verdadeira virtude não se põe em evidência, porque é humilde; contenta-se com os prazeres do coração e a aprovação da consciência, ao passo que o vício se manifesta afrontosamente, em plena luz." (Revista Espírita. Outubro de 1863. Benfeitores anônimos. Allan Kardec)
(Baseada na ideia do site: https://maestrovirtuale.com/14-dinamica-da-autoestima-para-criancas-e-adolescentes/)

Passatempo Espírita © 2013 - 2022. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode