Uma menina chamada Julinha

Julinha era uma menininha que morava no interior, num local bem longe da cidade. Ela morava com papai, mamãe e os irmãozinhos.
 O papai de Julinha trabalhava na terra: capinando, semeando, arando e plantando, mas o dinheiro que ele ganhava não era muito não e só dava para comprar poucas coisas. Mas todos eram muito felizes.
 Sabem por quê?
 É que eles dividiam tudo o que possuíam, uns com os outros, assim ninguém ficava sem nada. Pela manhã, depois que todos se levantavam, sentavam-se à mesa para tomar café. Mamãe colocava uma toalha limpinha na mesa e o bolo que fizera já cortado em pedaços (a mamãe fazia bolo porque onde moravam eram muito muito longe da cidade e não tinha padaria por perto). 
 Todos comiam seu pedaço de bolo com o leite que o papai tirara da vaquinha malhada, e que também era dividido nos copinhos.
Depois do café, Julinha pegava sua mochila e ia para a escola. Ela tinha que andar muito, a escola era muito muito longe.Na escola, na hora de merendar, Julinha tirou da sacola a goiaba que levara de casa. Mas uma coleguinha, que morava na cidade, ficou olhando a goiaba de Julinha, com uma vontade de comer um pedacinho....
 É que na casa da menininha da cidade não tinha pé de goiaba e aquela goiaba estava mais cheirosa do que as que sua mãe  comprava no supermercado.
   Julinha, percebendo o olhar da coleguinha, dividiu com ela a sua goiaba.

Após voltar da escola, Julinha almoçava, brincava um pouco e depois ia fazer os deveres.
  Xiiii... que será que aconteceu?
   Julinha está toda assustada.. .
   Aaah! É que ela perdeu o lápis quando voltava da escola.. .
  - Como ia fazer os deveres? Julinha falava quase  chorando.. .
   Seu irmão , o Jünior, respondeu:
  - Não fique triste Julinha, eu lhe empresto o meu lápis.

E assim Julinha fez seus deveres , toda feliz.
  Por isso em sua casa todos eram felizes, eles sabiam repartir o que tinham e se ajudavam uns aos outros.
   Um dia Julinha ganhou na escola, adivinhem o que? Um pedaço de melancia.
Ela a levou para casa e cortou em pedaços pra dividir com a mamãe, o papai e os irmãozinhos.
  E todos ficaram super alegres em poder saborear a fruta que Julinha ganhou e repartiu com eles."

(Fonte: AME- JF)