O mapa do tesouro

        Saulo, naquela tarde, não queria ir à Evangelização Espírita Infantil. Sua mãe já havia explicado, inúmeras vezes, que eram lições valiosas, porém, naquele dia foi diferente: ela não disse nada.

        Pouco tempo depois, chamou o filho e contou lhe que havia um tesouro escondido em casa. Disse também que ele tinha uma hora para encontrar o tal tesouro, que por sinal era muito importante.

        O garoto imediatamente, aguçado pela curiosidade, se interessou pela “caça ao tesouro”. Lembrou que a casa era grande, que haviam muitos lugares, que não sabia exatamente o que procurava e que o tempo era curto.

        - Quando você encontrar, saberá que é o que procura - disse apenas a mãe.
        Saulo começou, então, a busca pelo tesouro. No início foi divertido, mas em pouco tempo estava cansado. Distraiu-se aqui e ali, e quando viu, o tempo estipulado estava acabando.
        - Não achei. Se eu ao menos tivesse um mapa...- reclamou choroso.
        - Aqui está - disse a mãe, estendendo um papel que parecia um mapa, com o desenho da casa e um “x” indicando o lugar.

         Assim, logo encontrou o tal tesouro; seguindo as orientações do mapa, cuidadosamente traçado por sua mãe.

         O tesouro? Era um bilhete, que estava em uma caixa de papelão, junto com um livro espírita de histórias:

         Você encontrou o tesouro! Mas entenda... A casa é o mundo; o tempo que você tinha para achar o tesouro representa a sua encarnação atual, que deve ser bem aproveitada. O tesouro é a evolução espiritual, objetivo de cada espírito ao reencarnar. Porém, para encontrar um tesouro é muito importante um mapa. A Evangelização Infantil é o seu mapa, pois proporciona lições importantes de como agir nas diferentes situações que você encontrará durante a vida. Siga o mapa, indo às aulas de Evangelização, que mostram o caminho do amor e da felicidade.

Com amor,

mamãe

(Autor desconhecido)