Florzinha Cor-de-rosa

       Na frente de uma velha casinha era para existir um jardim maravilhoso, mas havia apenas terra, e essa era tão seca que não se via nem minhocas ou formigas passeando por lá.

    Certo dia o céu escureceu e veio uma chuva muito forte molhando toda a terra, que logo começou a brotar. Em poucos dias o jardim estava encantador, com um perfume suave das flores diversas que nasceram, somente um botãozinho ainda não estava aberto.

    O jardim ficou todo cercado de joaninhas, borboletas, beija-flores, minhocas, aranhas, formigas e besouros.
    Mas entre as flores que nasceram havia uma que era muito vaidosa, orgulhosa....olhava para as outras flores e dizia:

    _ Eu sou a flor mais bonita deste jardim! Vocês comparadas a mim são horrorosas heheheh.
    _ Olha só para a florzinha amarela....é igualzinha o sol!! A Flor azul é igual às nuvens e a marrom igual a terra....que horror!! Todas vocês são iguais a alguma coisa.

    Sou maravilhosa porque sou única.... sou cor de rosa!!! Não tem nada parecido comigo....sou uma atração... todos que aparecem no jardim olham para mim elogiando.

    E assim falava a nossa florzinha, toda orgulhosa, penteando suas pétalas.

    Certo dia ouviu-se uma gritaria de crianças:

    _ Corram.....pega.....ela esta indo para o jardim!!!!

    E de repente....uma TRAGÉDIA aconteceu !!!!!

    A florzinha cor de rosa foi atingida em cheio por uma bola e desmaiou!!

    Todas as outras flores foram acudi-la, será que esta viva?!

    Felizmente estava, foi abrindo os olhos lentamente, e quando ficou de pé todas as flores arregalaram os olhos e começaram a gargalhar!!

    _ HaHaHaHaHaHaHaHaHaHaHA!!!

    _ HiHiHiHiHiHiHiHiHiHiHiHiHiHi!!!

    _ HeHeHeHeHeHeHeHeHeHeHeH!!!

    Todas riam sem parar!!! Mas o que será que aconteceu?!

    É que a flor cor de rosa perdeu a metade de suas pétalas, estava HORROROSA!!

    Coitada da florzinha....todos que ali passavam falavam:

    _ Que espécie de flor é aquela? Que coisa mais feia!!!

    A minhoca estava se contorcendo de tanto rir,  a borboleta não conseguia voar de tanto que gargalhava,

    a aranha tropicava nas pernas toda vez que olhava para flor despetalada. Coitadinha....

    Dois dias se passaram e todas as pétalas cairam, ficou carequinha...ela chorava tanto...tanto.....
    Então numa noite a florzinha percebeu que foi muito feio o que ela havia feito, ficava sempre rindo das outras flores, e na verdade todas eram bonitas... cada uma tinha a sua beleza.....mas agora, ela era a única feia no jardim... e pensou....

    _ Nunca mais vou falar mal de ninguém...estou muito sentida com a minha atitude.

    Deus percebeu o arrependimento sincero dela, e decidiu lhe dar uma nova chance....

    Ao amanhecer as flores começaram a se abrir, esticavam as folhinhas para cima se espreguiçando.

    Quando de repente todas arregalaram os olhos! !

    A florzinha cor de rosa estava com pétalas novamente!! só que não eram cor de rosa...era uma azul, uma amarela, uma marrom, outra azul outra amarela e outra marrom...

    E para surpresa de todos, uma florzinha que ainda era um brotinho começou a se abrir na frente de todos...e quem diria era toda cor de rosa!!

    Ela olhou para todas as flores que estava a sua volta e disse:

   _ NOSSA!!! Que jardim legal...quantas flores bonitas!

    _ Mas eu sou mais bonita que vocês, porque sou a única cor de rosa que tem aqui.

    Ao ouvir isso, a florzinha colorida chegou bem pertinho dela e disse:

    _ Venha cá, você ainda é muito novinha e tem que aprender algumas coisas, vou lhe contar uma história de uma florzinha cor de rosa que morou aqui......

               (  Regina Amélia de Oliveira)