Dinâmica - Páscoa

Objetivo: Conhecer a origem e os diversos significados da Páscoa para cada religião.

Participantes: Indefinido (dividir os alunos em quatro grupos).

Tempo Estimado: 20 min.

Material: 4 Figuras e 4 cartões de resposta ( imprimir em papel A4), cartolina, tesouras, cola bastão, lápis de escrever, canetinha, fita crepe. 

 Descrição: A dinâmica deverá ser feita no inicio da aula.  Então, o Evangelizador deverá, previamente, recortar as figuras e os cartões de resposta. Depois deverá dividir a cartolina em quatro partes iguais e colar dentro de cada retângulo as figuras e escrever na parte superior a palavra '' PÁSCOA''.  Após fazer isto, deverá colocar a cartolina sobre a parede da sala de aula e distribuir um cartão de resposta para cada grupo. E logo em seguida, fazer o seguinte comentário: '' A origem da Páscoa está associada a festividades muito antigas, comum entre os povos primitivos e que para cada religião (Judaísmo, Catolicismo e Espiritismo) a Páscoa possui um significado diferente.''  Após a explicação, cada grupo deverá ser orientado a preencher os círculos com os números que eles consideram estar relacionados  às frases, sem que os outros grupos vejam.  Depois deverão recortar cada palavra, na linha pontilhada do cartão de resposta, e colar no local correspondente da cartolina. Após todos os grupos terminarem, o Evangelizador vai escrever na cartolina as respostas corretas e analisar quais deles responderam corretamente.      

Comentário: Devemos (nós Espíritas), sem dúvida, comemorar a Ceia Pascal, em memória do Mestre, mas pela prece do coração, apoiada em atos de uma vida íntegra, pura, humilde, ativa e consagrada ao bem de todos os membros da grande família humana. Comemoremo-la, com o mesmo sentimento com que celebramos as nossas festas intimas; para expandir as satisfações da nossa alma, para estreitar os laços do amor, da amizade que nos ligam aos que nos são caros. (Elucidações Evangélicas. Cap. 170. Antônio Luiz Sayão).

(baseada nos livros:  - O Evangelho dos Humildes. A última Páscoa. A santa ceia. Eliseu Rigonatti. - A Palestina no tempo de Jesus. As festas. Christiane Saulnier e Bernard Rolland. - Elucidações Evangélicas. Cap. 170. Antônio Luiz Sayão)