Dinâmica - Jesus e a mulher samaritana

Objetivo: Fixar o estudo  sobre '' Jesus e a mulher samaritana'' (João 4:1-42), através de perguntas e respostas.

Participantes: Máximo 18 alunos.

Tempo Estimado: 15min.

Material: perguntas e respostas escritas no papel (imprimir em papel A4).

Descrição:  O Evangelizador deverá recortar, previamente, as figuras das perguntas e das respostas. Depois deverá distribuir uma pergunta ou uma resposta para cada aluno. Os alunos que receberam a pergunta deverão encontrar a resposta com outro colega, através do encaixe perfeito das figuras. Depois que todos encontrarem, deverão ler as questões resolvidas para turma.

Perguntas:

1. Em que região moravam os samaritanos?

R. Na Samaria.

2. Porque os judeus consideravam os samaritanos uma raça impura?

R. Porque os Samaritanos são considerados uma raça mista de judeus com estrangeiros.

3. Por que os samaritanos não conversavam com os judeus?

R. Por motivos raciais e religiosos.

4. Com quem Jesus conversou próximo ao poço de Jacó?

R. Com uma Samaritana.

5. O que Jesus pediu a Samaritana?

R. Jesus pediu água.

6. O que Jesus ofereceu a Samaritana?

R. Jesus ofereceu a água viva, ou seja, o alimento espiritual que é sua doutrina.

7. Em que momento a Samaritana reconheceu que Jesus era profeta?

R. Quando Ele revelou segredos da vida particular dela.

8. Como Jesus disse que devemos adorar a Deus?

R. Devemos adorar a Deus em Espírito e Verdade.

9. Qual é o alimento espiritual de Jesus?

R. É fazer a vontade de Deus e realizar a sua obra.

Comentário: Os samaritanos eram cismáticos, mais ou menos como os protestantes com relação aos católicos, e os judeus os tinham em desprezo, como heréticos. Curando indistintamente os judeus e os samaritanos, dava Jesus, ao mesmo tempo, uma lição e um exemplo de tolerância.  (A Gênese. Cap. 15. Item 17. Allan Kardec)

 

(baseada na Bíblia: João 4:1-42 e em autor desconhecido)