Cursos, encontros, treinamentos e seminários de preparação de evangelizadores

É  reconhecida importância a freqüência com que se realizam cursos de capacitação para Evangelizadores / Orientadores da Infância e da Juventude.

É necessário, entretanto, que sua organização siga critérios que assegurem o melhor aproveito dos estudos programados.

A seleção dos conteúdos ou assuntos, a serem desenvolvidos nesses cursos ou encontros, merece bastante cuidado, pois eles devem guardar coerência entre si, e seu conjunto levará aos objetivos colimados por ocasião de seu planejamento.

Não é raro observarmos eventos, com vistas ao aprimoramento didático-doutrinário do Evangelizador, com uma programação de assuntos soltos e estanques sem que sigam uma seqüência lógica da qual se possam inferir os objetivos pretendidos.

Em face do exposto, necessário se torna observamos o que se segue na organização de cursos, treinamentos ou seminários:

1. Objetivos desejados.

2. Seleção dos assuntos (conteúdos) de acordo com os objetivos desejados.

3. Técnicas e recursos a serem utilizados na dinamização dos assuntos.

4. Pessoas que se incumbirão dos assuntos ou conteúdos a serem trabalhados.

5. Reunião prévia com os dinamizadores das aulas para que se estabeleçam direcionamentos necessários à unidade do trabalho a ser realizado.

6. Avaliação: critérios no curto e no médio prazos.

(Fonte: www.dij.ceeak.ch)